[Resenha]: "O Tamanho do Céu", de Thrity Umrigar





Um casal americano, lutando para aceitar a morte repentina de seu único filho de 7 anos, se muda para a Índia na esperança de se reconectar e começar uma nova vida. Enquanto a esposa, Ellie, está determinada a salvar seu casamento; Frank, o marido, não consegue superar a morte do filho e, desesperado para recuperar o prazer de ser pai, aproxima-se de Ramesh, o filho único dos caseiros, de 9 anos. 

Frank transfere para Ramesh o amor que sentia pelo filho que morreu. Ele, obsessivamente, se aproxima cada vez mais do garoto indiano. Paga os seus estudos e promove seu bem estar com viagens e muitos presentes, ignorando totalmente Prakash, o pai do menino, um homem pobre e ressentido. O crescente interesse de Frank por Ramesh, e o crescente ciúme de Prakash pela presença do patrão na vida do seu filho, cria a tensão que move a história.  

Gostei como Thrity Umrigar apresentou os conflitos culturais e sociais que caracterizam as relações entre o capitalismo americano e a aldeia pobre da Índia. A superioridade racial branca e o poder do dinheiro em detrimento da ética e da moralidade, explicam o desfecho devastador de  "O Tamanho do Céu",  um drama familiar tocante e muito bem escrito.


Título nacional: O Tamanho do Céu
Título original: The Weight of Heaven
Autora: Thrity Umrigar
Tradução: Paulo Andrade Lemos
Nº de Páginas: 384
Ano de lançamento no Brasil: 2009
Editora: Nova Fronteira
Gênero: Romance

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito legal ter você por aqui!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Fique à vontade!
Bjs da Cris!