[Resenha]: "Minha Vida Mora ao Lado", de Huntley Fitzpatrick




A história de amor entre os vizinhos Samantha Reed e Jase Garrett, ambos com 17 anos, é o fio condutor para uma história que aborda questões morais e éticas importantes, como: desigualdade social, preconceito, abandono afetivo e dificuldade em assumir responsabilidades.

Samantha mora com a mãe e a irmã em uma casa bonita e impecavelmente limpa. A mãe é uma mulher rica, vaidosa, controladora e bem sucedida na política. Por causa do trabalho, ela quase nunca está em casa. Sam sente-se muito solitária e frequentemente observa os Garrett, seus vizinhos. Uma família barulhenta, divertida e amorosa composta de 10 pessoas: pai, mãe e oito filhos. Uma família que tem tudo o que ela não tem: uma mãe e um pai presentes e um lar afetuoso. 

O sonho de frequentar a casa e fazer parte daquela família tão diferente da sua, torna-se realidade quando o gentil Jase Garrett se aproxima dela. Eles iniciam uma bela amizade que logo se transforma em amor, o primeiro amor dos dois. Os jovens estão super ligados e felizes quando algo inesperado acontece e provoca um sério abalo na vida de todos.

A reviravolta que acontece perto do final do livro, além de surpreender, traz uma profundidade interessante ao enredo. Gostei!


Título nacional: Minha Vida Mora ao Lado
Título original: My Life Next Door
Autora: Huntley Fitzpatrick
Tradução: Carolina Selvatici
Nº de Páginas: 324
Formato: eBook Kindle    
Ano de lançamento no Brasil: 2015
Editora: Valentina
Gênero: Romance

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso "News"!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Fique a vontade!
Bjs da Cris!