[Resenha]: "Sete Dias Sem Fim", de Jonathan Tropper





A trama conta a história de uma convivência familiar forçada, que acontece porque o patriarca, antes de morrer, pediu que a família cumprisse o Shivá, período de sete dias de luto no judaísmo. Durante uma semana os quatro filhos e a viúva permanecerão juntos dentro da mesma casa, onde segredos serão revelados, antigos ressentimentos serão resgatados e encontros casuais com velhos conhecidos lançarão nova luz sobre a vida dos personagens. 

A história é contada do ponto de vista do filho Judd, que passa por uma momento pessoal bastante difícil, mas logo vamos perceber que cada membro da família está passando por uma crise própria, o que resulta numa dinâmica familiar às vezes hilária, às vezes dolorosa. Com um conjunto de personagens interessantes e críveis, Tropper mais uma vez captura brilhantemente o comportamento humano e nos oferece uma história original e cheia de emoção. Gostei!

Título nacional: Sete Dias Sem Fim
Título original: This Is Where I Leave You 
Autor: Jonathan Tropper
Tradução: Regina Lyra
Nº de Páginas: 296  
Ano de lançamento no Brasil: 2013
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance


O filme, baseado no livro, foi lançado em 2014 sob a direção de Shawn Levy e estrelado por Tina Fey e Jason Bateman. Jonathan Tropper co-escreveu o argumento do longa.




Conheça outros livros do autor que eu li e resenhei:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito legal ter você por aqui!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Fique à vontade!
Bjs da Cris!