[Resenha] "Aquilo que Realmente Importa", de C. Nan Bianchi



Título: Aquilo que Realmente Importa
Autora: C. Nan Bianchi
Capa: Marina Avila
Nº de Páginas: 1092
Formato: eBook Kindle
Ano de lançamento no Brasil: 2017
Vendido por: Amazon
Gênero: Romance brasileiro


Aos 23 anos, Vanessa Zandrine é uma  workaholic, que trabalha na filial brasileira da maior rede de moda varejista do mundo.  Ela sonha com a promoção   que   lhe proporcionará   não   só  um   bom aumento salarial,  mas também a chance de ficar mais próxima de Victor Diniz, um dos diretores da empresa,  que ela elegeu como o homem perfeito para a sua vida.  Por se dedicar de forma obsessiva ao trabalho, Vanessa  coloca  em  segundo  plano  as  suas    relações  sociais,  afetivas  e  familiares, isolando-se das pessoas que realmente gostam dela.  Até que um dia, a perda de um ente querido,   a leva a reexaminar a vida e a concluir que a felicidade que procura não está naquilo que persegue com tanta obstinação. Sua vida precisa mudar.

A partir daí, Vanessa inicia uma nova fase, rumo a uma existência com mais significado, equilíbrio e autorrealização. Ao focar na busca daquilo que realmente importa, ela sai da sua área de conforto, revê prioridades, pratica o desapego e, em troca, um mundo novo se descortina a sua frente. Ela começa em um novo emprego, onde consegue conciliar o trabalho com o lazer e com as pessoas que ama. Muda-se para outra casa, onde passa a conviver com uma vizinha idosa, espirituosa e cheia de palavras de sabedoria. Consegue se reaproximar da família, sua base mais sólida e valiosa. Amplia sua compreensão sobre amor, relacionamento e convivência, ao descobrir uma comunidade de viajantes, que a coloca em contato com pessoas mais do que especiais de outras partes do mundo. 

A escrita em primeira pessoa de C. Nan Bianchi é fluida e permite, além da proximidade com a protagonista, um envolvimento rápido com a história. É impossível não se sentir estimulado pela coragem de Vanessa, e  sensibilizado com as suas fraquezas e fragilidades. É igualmente impossível não se identificar com as várias citações inteligentes  e os pensamentos profundos que enriquecem a obra, e nos levam a refletir sobre nossa própria trajetória. 

Eu também adorei o fato da história acontecer aqui no Rio de Janeiro, pois ler algo ambientado na minha cidade, reconhecendo, inclusive, os vários pontos turísticos citados, me aproximou ainda mais do enredo. 

“Aquilo que Realmente Importa“ traz uma sensível e instigante reflexão sobre a importância de nos amarmos e sermos os reais protagonistas de nossas vidas. Lembra que precisamos nos livrar de tudo que impede nosso crescimento pessoal. Aquilo que não nos ajuda a melhorar, não nos pertence! É uma leitura deliciosamente envolvente e cativante, com pitadas de sabedoria e humor, que vale a pena ser conferida. 


Avaliação


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito legal ter você por aqui!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Fique à vontade!
Bjs da Cris!