[Resenha] "Um Acordo de Cavalheiros", de Lucy Vargas


A história se passa no século XIX, no período da regência britânica, quando Tristan Thorne, o Conde de Wintry, dono da fama de devasso e libertino nos salões londrinos, sela um acordo de cavalheiros com a jovem Dorothy Miller, uma moça decente e bem-comportada, conhecida por todos por sua postura irreparável. 

Parece uma incoerência duas pessoas tão diferentes validarem um acordo, mas vejamos...

O maior medo de Tristan era se envolver com damas bem nascidas da sociedade, pois não queria se casar. Entretanto, sentia-se muito atraído por Dorothy. Ela, por sua vez, também não tinha interesse em se casar, mas estava curiosa para mergulhar na descoberta da sua sexualidade. Desejava viver uma aventura, provavelmente a única de sua vida. Além disso, também sentia-se atraída por Tristan. Diante disso, resolveram conciliar suas vontades e interesses e firmaram um acordo para tornarem-se amantes. Trocariam intimidades, teriam um caso de sexo consensual e prazeroso, válido até o fim da temporada de bailes, época em que cada um seguiria seu próprio caminho. Passaram a se encontrar com frequência, em segredo. Eram momentos de muita intimidade e paixão. Resultado: acabaram irremediavelmente apaixonados bem no meio do acordo de cavalheiros e não conseguiam  aceitar que o fim da temporada representaria o fim deles.

Em vários momentos, a história tira o foco do romance quente e apaixonante para abordar a vida de aventuras do lorde Wintry que, além de ser um espião da Coroa, caçava os homens que provocaram a morte da tia que o criou. A maioria dessas inserções não me agradou. Foram muitas e eu me senti meio perdida com tantos personagens, intrigas e repetidas cenas de ação. Nessas ocasiões a história perdeu um pouco do meu interesse. No entanto, não dá para não reconhecer o que o livro tem de melhor: a bandeira levantada pela Srta. Miller, no que diz respeito a liberdade sexual feminina! Isso sim, me agradou! Além disso, Tristan é um mocinho à frente do seu tempo, moderno e tolerante; o parceiro perfeito para Dot. Portanto, no saldo final, a leitura vale a pena.

Livro: Um Acordo de Cavalheiros
Autor: Lucy Vargas
Páginas: 350
Ano de lançamento: 2017
Editora: Bertrand Brasil
Categoria:  Ficção Brasileira / Romance de Época

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso "News"!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Fique a vontade!
Bjs da Cris!