Para os meus, para os seus, para os nossos filhos...


Se sua mãe é meio avoada e não enxerga um palmo na frente do nariz,
ame-a simplesmente.
Mas se ela consegue ir além da página 2, não só a ame como a escute.
Confie no seu sexto sentido, preste atenção no que ela diz nas entrelinhas,
respeite sua vivência, acredite no quanto ela lhe conhece e lhe quer bem,
aprenda com sua sensatez, aceite seus palpites.
Não é preciso assinar embaixo de tudo o que ela diz,
mas ainda assim, leve em consideração suas dicas e impressões.
Radar de mãe não se despreza.

Martha Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso "News"!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Fique a vontade! Mas, seja gentil, ok!
Mensagens ofensivas não serão publicadas.
Bjs da Cris!