Eu li: "A Garota No Trem"


"A Garota no Trem", de Paula Hawkins, é um thriller psicológico muito bem escrito.

Rachel é a garota no trem. Ela é uma divorciada alcoólatra e solitária que, toda manhã, pega o trem de sua casa no subúrbio para Londres, na tentativa de manter sua rotina, mesmo depois de ter sido demitida do emprego. Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. A parada é rápida, mas é suficiente para que Rachel monitore a casa onde viveu com Tom, seu ex-marido, e que agora é habitada por ele e sua nova esposa. Além disso, ela dirige o olhar para uma casa vizinha, onde um outro jovem casal vive aparentemente muito feliz. 

Um dia, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem, a garota no trem testemunha uma cena chocante na varanda do casal que ela imaginava viver uma vida perfeita. Dias depois, ela descobre que a moça, chamada Megan, está desaparecida. 

Convencida de que o evento que ela testemunhou é relevante para o caso, Rachel vai à polícia e conta o que viu e, rapidamente, é arrastada para o mistério e acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos mas também da vida das pessoas que ela só assistia de longe, da janela do trem. 

Na verdade, Rachel tem uma vaga sensação de que sabe muito mais sobre o caso, mas os apagões provocados pelo álcool a deixam confusa e acabam promovendo pistas falsas e múltiplas versões da verdade. Até que ela  junte peça por peça e se lembre de tudo, o suspense corre solto. Gostei!

Livro: A Garota no Trem
Título original: The Girl On The Train
Autor: Paula Hawkins
Tradução: Simone Campos
Páginas: 377
Ano de lançamento no Brasil: 2015
Editora: Record
Categoria:  Literatura Estrangeira / Suspense 
Preço: R$21,00 (em 13/01/2016, na www.saraiva.com.br)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso "News"!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Fique a vontade! Mas, seja gentil, ok!
Mensagens ofensivas não serão publicadas.
Bjs da Cris!